Nossa História

A OFICINA DAS BOLSAS foi fundada em 1956 com o nome “Oficina São Bento” devido ao fato de estar situada na Rua São Bento, no coração da Cidade de São Paulo, até os dias de hoje.

A oficina nasceu da necessidade de suprir o mercado de reparo de bagagens, que na época era realizado apenas pelos sapateiros, profissionais que não conheciam profundamente as técnicas de restauração de malas.

Nas décadas de 50 e 60 o mercado era suprido pelas bagagens de Couro e havia a necessidade de protegê-las com capas de lona. Não existia um padrão para o fabrico das bagagens, assim, as capas de lona eram feitas sob medida em nossa Oficina.

Sr. Anibal Olim Carvalho
81 anos, fundador da Oficina das Bolsas,
sócio e diretor da empresa.

No início da década de 70, mais uma grande inovação no mercado de bagagens: a fabricação de malas e maletas de plástico injetado. Nessa época o produto mais famoso foram as maletas 007, utilizadas nos filmes de James Bond. A Oficina das Bolsas, então, se fazia presente trocando as fechaduras e alças das famosas maletas 007 em menos de cinco minutos!

Na mesma época, a Oficina passou a trabalhar para Companhias Aéreas como a Pan American World Airways, mais conhecida como Pan Am, e as nacionais VARIG e a CRUZEIRO, que levavam e traziam as bagagens para o conserto na sede da Oficina.

No final das década de 80 e início de 90, o Brasil abre seu mercado para os importados, e várias empresas aportam aqui trazendo seus produtos, inundando o mercado com muita novidade. Mais uma vez marcamos presença na Assistência Técnica para os Fabricantes e Importadores, atendendo os lojistas e o Consumidor. Em meados dos anos de 60 a moda eram as bolsas de crochê. As clientes levavam suas criações para que a OFICINA montasse as armações de metal.

O mundo passava por profundas transformações e a indústria nacional no final da década de 60 introduzia o COURVIN, um material plástico de alta resistência muito usado na fabricação de malas e outros acessórios de viagem. O COURVIN revolucionou o mercado, colocando fim ao fabrico das malas de Couro em larga escala e, consequentemente, às tradicionais capas de lona sob medida.

No início dos anos 2000, a Oficina das Bolsas foi chamada pelo departamento de Tráfego da Cia TAM, atualmente LATAM e passamos a reparar bagagens para a Companhia. Mantemos nossa parceria até os dias de hoje com um novo modelo de negócios: a Oficina das Bolsas aproximou-se do Passageiro, faz a coleta em domicílio, a manutenção da bagagem e o compartilhamento das informações ONLINE com o cliente.

A Oficina está inserida nesta nova ordem estabelecendo muitas parcerias com as principais empresas e oferecendo o suporte técnico para os seus parceiros, assim a tradição do passado e os desafios do futuro se convergem.

Com um espírito inovador, desenvolvemos modernos métodos de reparo de malas, sacolas, mochilas, pastas e bolsas. Nos empenhamos para atender cada dia melhor nossos clientes e suprir suas necessidades.

Sr. Anibal Olim (filho) como o Sr. João Câmara,
ex-funcionário e amigo que se dedicou à Oficina das Bolsas por 30 anos.